quinta-feira, 9 de junho de 2011

Venha

Estou esperando você vir. Venha, venha logo. Venha logo porque você não pode demorar mais que alguns minutos, venha logo porque eu não posso esperar por mais alguns dias. É preciso que você se apresse, para que não percamos todo esse caminho que construímos. Eu preciso que você venha logo, para não precisar mais me afastar de ti. Os dias estão passando e esta ficando cada vez mais difícil ter que te esperar, sentada em uma varanda nesses dias frios de inverno, bebendo um vinho e me perguntando “será que ele vem, ou não vem?”.  Então não é mais possível demorar um dia, uma hora se quer. Chegue logo, venha como vier, de carro, de ônibus, de trem, de avião, ou venha correndo, pedalando, patinando. Mas venha. Venha enquanto eu ainda te espero, sentada nessa varanda que começa a se fechar. Ainda há tempo, mas você precisa correr. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário